Página Web



Brigadeiro de paçoca: Felicidade em forma de doce

Eu tenho um casal de amigos que gosta de cozinhar, e (sério!) amigos que cozinham você deve levar pro resto da vida! rsrsrs <3

Há alguns dias, eles fizeram um brigadeiro de paçoca que me fez ficar sonhando com o doce umas 3 semanas direto, de tão gostoso que o negócio é. Como eu não estava mais aguentando de tanta vontade, pedi a receita e fiz esse brigadeiro de paçoca, que poderia facilmente se chamar FELICIDADE.

Vem ver a receita pra você fazer também e ser feliz comigo!

Você vai precisar de...

4 paçocas:


1 lata de leite condensado:


2 colheres de manteiga ou margarina:


APENAS ISSO! :O

E, pra fazer, é super simples: 

1º - Amasse as 4 paçocas, transformando-as em uma farinha.


2º - Faça o brigadeiro normalmente: derreta as duas colheres de manteiga, jogue a lata de leite condensado e mexa em fogo médio até a mistura ficar no ponto de brigadeiro. Como diria a minha vó, soltando do fundo da panela:.

3º - Quando a mistura ficar no ponto de brigadeiro, você ABAIXA O FOGO e joga aquela farinha que você fez com as 4 paçocas. É muito importante abaixar o fogo, se não a paçoca queima.


4º - Mexa rapidamente a paçoca na mistura em ponto de brigadeiro e retire do fogo. Vai ficar assim:


5º - Na hora de montar, você tem duas opções: enrolar o brigadeiro tradicionalmente ou fazer de colher. No meu caso, eu fiz de colher, acho mais prático. Peguei mais 2 paçocas e transformei elas em farinha, para jogar por cima. Se você optar por enrolar, pode fazer a mesma coisa, e use a farinha de paçoca no lugar do granulado do brigadeiro tradicional.

Eu montei da seguinte forma: uma camada de brigadeiro, uma camada de farinha, outra camada de brigadeiro e outra de farinha. 

TCHARÃ, o resultado foi esse:


Depois disso, é só correr pro abraço e se deliciar com essa divindade em forma de doce. Faça em casa, e depois conte aqui no blog o que achou ♥

Tenho que agradecer a Mariana e o Higo por terem colocado essa delícia de doce na minha vida!

Até mais ;) 




Postar um comentário