Página Web



Quero um amor descomplicado!


Eu já esquentei muito a cabeça por causa de pessoas que não deram – e nem dariam – em nada. Gente que fazia o meu coração ficar nervoso, que me fazia pensar em como seria daqui a dois dias, que me fazia ficar ansioso por uma resposta ou que me fazia ficar estressado e desconfiado por pouca coisa.

Acontece que agora eu sei muito bem o que quero. Eu quero um amor descomplicado, desses que não possui nenhuma amarra com o passado, que sabe exatamente o que quer, que fala o que tem vontade de falar e que não se importa com as aparências ou “achismos” de qualquer outra pessoa.

Quero alguém completo. Chega de gente pela metade! Que não fala tudo por medo do que pode resultar, que não se entrega totalmente porque não sabe no que pode dar, que fica cheio de “não me toques” por receio do envolvimento.

Eu cansei, sabe? Tenho preguiça de qualquer pessoa que possa parecer complicada, que me faça pensar e repensar no que dizer, que me deixe em dúvidas sobre qual atitude tomar. Quero poder ser tudo o que eu sou sozinho junto, porém, me sentindo genuinamente completo e feliz.

Se quiser falar, fale, a hora que for e como for. Se quiser gritar, grite. Se quiser conversar, vamos lá...sempre gostei de falar. Se quiser me ligar, ligue, a qualquer hora. Se quiser me beijar, beije, sem se importar com hora nem lugar. E se quiser me amar, ame, mas ame sem nenhum pudor ou complicação desnecessária.

Eu quero olhar pro meu lado, respirar fundo e sorrir. Tendo a certeza que tenho comigo  alguém bem resolvido, que não tem "mimimi" e que esteja disposto a embarcar em uma caminhada leve. Gente complicada é furada, e eu não quero roubada. Aliás, se tiver alguém assim, vem comigo, vamos cair na estrada. 




Postar um comentário