Página Web



Profundo - Robin York

"Por que, quando West me diz que estou bem, acredito nele? Não que ele consiga me fazer ficar bem, mas me faz ter esse critério."

"Profundo" é o primeiro livro de uma duologia chamada Caroline e West, escrita pela autora Robin York. O livro traz uma história muito tocante sobre confiança e amores improváveis.

Caroline Piasecki está no seu segundo ano na faculdade, ela é uma menina com o futuro todo planejado, ela pretende conseguir um bom estágio e daqui a alguns anos se tornar juíza, como o seu pai. Mas ela vê sua vida se transformar em um pesadelo quando sua melhor amiga manda uma mensagem escrito "eu sinto muito" e um link de uma página contendo fotos nuas dela, com nome e o endereço de onde ela estuda.

Caroline namorava há três anos com Nate, ele foi o seu primeiro amor e quando estavam juntos ela permitiu que ele tirasse fotos íntimas dela, mesmo achando que aquilo não era certo. E como uma forma de vingança, Nate colocou as fotos de Caroline na internet, e de uma hora para outra, sua reputação é arruinada e o futuro que ela tanto sonhou e batalhou para conseguir, não parece tão garantido assim. Desesperada, Caroline passa horas do seu dia na internet rastreando as fotos, tentando fazer com que elas sumam da rede e ao mesmo tempo ela precisa se defender da multidão de pessoas que a julgam e xingam. E isso torna Caroline uma pessoa fria, que está sempre com medo e não consegue confiar em ninguém. Boa parte do livro vamos acompanhando a luta da Caroline para se tornar invisível depois do ocorrido.

Caroline sempre foi uma boa garota, sempre fez tudo certo e nunca decepcionou sua família. Quando tudo acontece, ela já não se reconhece mais, e seu mundo começa a desabar, mas ela vai encontrar apoio onde ela menos espera. Quando um cara que ela só conhece de vista sai em sua defesa e dá uma surra no seu ex-namorado, tudo muda.

"Não conseguimos simplesmente nos livrar de quem somos de fato. Gostamos de fingir que conseguimos - este é o sonho americano, afinal: sem limites."

West Leaavitt já passou por muitas dificuldades e confusões com sua família, disposto a dar um futuro melhor para sua irmã mais nova, ele faz coisas erradas e que não se orgulha. No primeiro impacto, West é a última pessoa de quem Caroline deveria se aproximar, por ser uma pessoa bem sombria, fechada e ganhar a vida de forma ilícita. E ela é o tipo de garota que West tenta evitar: rica e privilegiada, ela jamais entenderia as dificuldades pelas quais ele já passou.

Mas, mesmo com todas as diferenças, os dois se aproximam e acabam se tornando amigos. Caroline encontra em West um restante de força para reagir a tudo que está acontecendo na sua vida, e West sente que com ela, pode fazer de tudo para se tornar um homem melhor. Quando parece impossível resistir à paixão avassaladora, West e Caroline descobrem que às vezes a única opção que resta é ir mais profundo. Porém, Caroline está muito ferida e com medo de se envolver e confiar em alguém novamente, e West não quer distrações na sua vida.

O livro é narrado em primeiro pessoa, intercalando cada capítulo com o ponto de vista de Caroline e West. No começo de cada capítulo somos apresentados a quem está narrado e quando (mês) aconteceu os fatos que serão apresentados no capítulo, ou seja, a diagramação está ótima. A única coisa que me incomodou foram os capítulos longos, em média cada capítulo tem umas trinta páginas, e isso me deixou um pouco cansada. A Robin tem uma escrita bem intensa, ela sabe transmitir detalhadamente tudo que o personagem está sentindo, e as partes hots são bem sensuais mas não pornográficas. As capas da duologia se completam, é uma fotografia com os personagens principais, no primeiro livro temos a imagem da Caroline, e no segundo (Intenso) temos a imagem de West, e juntas, a fotografia se completa.

"Só sei que quando ela olha para cima, as lágrimas fazem seus olhos brilharem e é ali que estão as estrelas. Pelo menos é a sensação que eu tenho. Como se as estrelas estivessem em Caroline, e o mundo todo fosse apenas ela e eu." 

Antes de terminar a resenha, não posso deixar de citar o quanto esse livro mexeu comigo. Existem milhares de Carolines por ai, são mulheres que confiam em seus parceiros e acabam tendo o mesmo destino da nossa personagem. Foi angustiante acompanhar tudo que Caroline passou, as pessoas jogavam a culpa nela até que ela realmente se sentia culpada. A humilhação de ler todos os comentários ofensivos, xingando ela e falando barbaridades sobre o que os homens fariam se encontrassem ela na rua , era nojento e triste. Uma coisa muito importante que foi citada no livro e que todos deveriam ter na consciência, é que não importa se não foi você quem postou as fotos, se você compartilha, comenta com os amigos e julga, você também faz parte desse ato covarde, que pode acabar com a vida de uma pessoa. Este é um assunto muito sério e que a autora soube abordar perfeitamente. Todos os homens ou até mesmo mulheres que já pensaram em fazer uma barbaridade dessa, deveriam ler esse livro para entender o que se passa na cabeça da vítima, e como isso molda a vida delas.

A duologia Caroline e West foi publicada no Brasil pela editora Arqueiro, e em breve sai a resenha de Intenso, o segundo livro.




Postar um comentário